Pressão alta

(Informações e Dicas)

A pressão alta do sangue (hipertensão) é uma condição muito perigosa, além de ser considerada uma assassina silenciosa. Isso porque a maioria das pessoas não sente nenhum sintoma até que as complicações de saúde apareçam.

Os efeitos da pressão alta nos tecidos podem ser devastadores. Além de acelerar a arteriosclerose, ela é a principal causa de derrames, doença nos rins e insuficiência cardíaca.

O que é exatamente?

Na hipertensão o sangue é bombeado pelo coração e vasos pelo corpo com uma força maior do que a necessária. Com o tempo isso causa problemas para o coração e vasos. Quando você mede sua pressão sangüínea você obtém duas medidas: a sistólica e a diastólica.

Pressão sangüínea sistólica representa o pico máximo da pressão exercida pelo coração quando ele está plenamente contraído durante a batida. Pressão sangüínea diastólica representa a pressão do coração quando ele está em descanso entre as batidas. Você pode ser diagnosticado com hipertensão se sua pressão sistólica estiver 140 ou acima e a diastólica estiver 90 ou acima. Uma pressão considerada normal é quando a sistólica está menor que 120 e a diastólica está menor que 80.

A pressão sangüínea é classificada em estágios:

  Sistólica Diastólica
Normal Menor que 120 Menor que 80
Pre-hipertensão 120-139 80-89
Estágio 1 140-159 90-99
Estágio 2 160 ou acima 100 ou acima

A hipertensão é diagnosticada quando as duas (sistólica e diastólica) estão altas ou também quando somente uma delas está alta.

Como normalizar a pressão sangüínea?

É importante ressaltar aqui que a hipertensão é uma desordem séria e, embora apresentemos boas sugestões a seguir para normalizá-la, é importante que você faça um acompanhamento com seu médico. Em muitos casos, somente o uso de medicamentos normalizará a pressão.

- Dieta e Estilo de Vida:

Reduzir sal: Antigamente a sociedade consumia uma quantidade muito menor de sal na alimentação e a incidência de hipertensão era muito menor. Estudos já provaram a relação direta do alto consumo de sal (cloreto de sódio) com a hipertensão. Para a maioria das pessoas, a redução da presença de sal na dieta gera uma diminuição da pressão sangüínea,.Quanto maior a restrição de sal, maior é o efeito de diminuição na pressão do sangue.

Emagrecer: A maioria das pessoas com pressão alta está acima do peso. A perda de peso baixa a pressão sanguínea de forma significativa em pessoas que estão acima do peso e com hipertensão. Diminuir apenas alguns quilos já pode representar uma significativa redução da pressão sangüínea. A perda de peso parece ter um efeito ainda mais poderoso do que a restrição de sal na dieta quando o assunto é baixar a pressão sangüínea de hipertensos.

Parar de fumar: Fumar faz mal, especialmente para as pessoas que tem hipertensão. A combinação de hipertensão com o fumo aumenta muito o risco de doenças cardíacas e morte. Todas as pessoas com pressão alta devem parar de fumar.

Exercitar-se: Estudos mostram que exercícios físicos podem reduzir de forma significativa a pressão sangüínea. Um estudo de 12 semanas analisando o T'ai Chi Chinês (tipo de exercício) concluiu que ele é tão eficiente quanto os exercícios aeróbicos para baixar a pressão sangüínea. Fazer exercícios de resistência progressiva (com pesos – por exemplo, musculação) também parece ajudar a reduzir a pressão. Ao mesmo tempo, a pressão sangüínea aumenta significativamente durante a prática de exercício com pesos pesados (durante o ato). Por essa razão, pessoas com a pressão muito alta, especialmente as que tem doenças do coração, devem ter cuidado ao fazer exercícios de levantamento de pesos pesados.

Reduzir açúcar: Estudos demonstraram que o açúcar aumenta a pressão sanguínea tanto em animais quanto em seres humanos. Embora o mecanismo de ação ainda não esteja completamente claro, alguns médicos recomendam que pessoas com pressão alta diminuam o consumo de açúcares em sua alimentação.

Moderar o consumo de álcool: O consumo de mais de 3 doses de bebidas alcoólicas por dia mostrou aumentar a pressão sangüínea. Ainda não está certo se uma ou duas doses por dia tem um efeito negativo na pressão.

Aumentar o consumo de potássio: Você pode aumentar o consumo de potássio comendo de 8 a 10 porções de frutas e vegetais por dia. A alta ingestão de potássio está relacionada redução da pressão sangüínea de pessoas com hipertensão.

NOTA: Este centro foi desenvolvido pelos especialistas do CorpoPerfeito e está protegido pelas leis de direitos autorais. Sua reprodução é proibida. O texto acima tem caráter informativo e não tem a intenção de substituir uma orientação médica ou de um profissional de saúde.

Produtos Relacionados: