Anti-Envelhecimento

(Informações e Dicas)

Aprenda a seguir dicas especiais antienvelhecimento

O envelhecimento é um processo progressivo de declínio das capacidades física e mental, assim como o aparecimento de doenças crônicas. Isso acontece por herança genética, pela diminuição do nível hormonal adequado para manutenção do metabolismo e por estresse oxidativo. Estes fatores acabam acarretando uma diminuição da reserva funcional, seguida da diminuição da resistência s agressões e, conseqüentemente, há diminuição progressiva de eficiência das funções orgânicas (biológicas).

Alguns fatores juntamente com maus hábitos são determinantes para a aceleração do processo de envelhecimento, tais como, tabagismo, alcoolismo, sedentarismo, obesidade, entre outros. Esses fatores são determinantes para acelerar processos que vêm naturalmente com a idade, como pressão alta, colesterol alto, rugas, falta de memória, reposta menos eficiente do organismo no combate aos radicais livres, entre outros.

O processo de envelhecimento reflete-se na pele, na saúde e no sistema imunológico. Com a idade, algumas capacidades, como a velocidade de aprendizagem e a memória, diminuem. Os fatores psicológicos, como a inteligência e a capacidade cognitiva, são fatores importantes para a esperança de vida saudável e contra os fatores do envelhecimento.

Fatores relacionados ao envelhecimento como doenças cardiovasculares, artrites e diabetes podem ser resultantes de um estilo de vida irregular e sem cuidados com a saúde (alimentação ruim, sedentarismo, fumo, álcool, drogas, entre outros), e não só do envelhecimento em si. Nós escrevemos nossa história e, quando chegamos em uma idade avançada, os maus hábitos de vida podem se refletir negativamente sob a forma de uma resposta do nosso corpo. Por isso é importante ter um estilo de vida saudável, praticar atividades físicas, cuidar da alimentação e dar uma ênfase ao convívio social e ao lazer. Esses fatores são muito importantes para o antienvelhecimento. Veja a seguir algumas dicas especiais:

- Dieta e Estilo de Vida

Dieta

A redução de calorias, mas com uma boa distribuição de nutrientes para não provocar déficit de proteínas, vitaminas, minerais e gordura, é muito importante para retardar os efeitos do envelhecimento. O envelhecimento é uma junção de vários fatores e maus hábitos de vida e alimentares. O organismo com o tempo fica menos resistente ação dos radicais livres. Portanto, é necessário uma dieta rica em vitaminas, pois elas são importantes antioxidantes. Os níveis de colesterol aumentam, assim como os riscos de doença do coração. Portanto, para retardar esse tipo de efeito do envelhecimento, é essencial comer alimentos com baixo teor de colesterol. Segundo descobertas recentes, o envelhecimento é um processo inflamatório microscópico de células e o consumo elevado e contínuo de calorias leva o organismo a produzir mais substâncias inflamatórias naturais. Dessa forma, uma dieta de baixas calorias é essencial para retardar os efeitos do envelhecimento.

A ingestão de sal deve ser reduzida para evitar a retenção de líquidos e o aumento da pressão arterial, mais comuns conforme a idade avança. Deve-se diminuir a ingestão de açúcares devido alta incidência de diabetes, assim como diminuir o consumo de carne vermelha para não prejudicar os sistemas gastrointestinal e renal. É muito importante aumentar o consumo de fibras para evitar a prisão de ventre, que também é muito comum medida que envelhecemos.

Uma ocorrência muito comum s pessoas que vão ficando com mais idade é a diminuição da secreção salivar e o aumento dos problemas de desidratação. Beber água é importante para todo mundo, mas devido a esses fatores torna-se essencial que pessoas com idade avançada bebam bastante água. A falta de água suficiente no organismo está associada sensação de cansaço, sonolência, perda de desempenho físico e metal, danos aparência da pele, e outras funções orgânicas.

Exercícios aeróbicos (cardiovasculares)

Um dos fatores mais devastadores e característicos do envelhecimento é a tendência a doenças cardiovasculares. As atividades aeróbicas, tais como, andar (caminhada), nadar e fazer hidroginástica, são excelentes para o coração, pois aumentam o consumo de oxigênio e diminuem muito o risco de doenças cardiovasculares. Portanto, são excelentes contra este tipo de resultado do envelhecimento. A natação é uma excelente opção para quem tem problemas de articulação, pois amortece os impactos. Os exercícios aeróbicos são reconhecidos por melhorar o metabolismo da glicose e a ação da insulina, além de serem eficazes no controle do peso e da composição corporal.

Evidências científicas apóiam a idéia de que indivíduos com uma boa capacidade aeróbica apresentam menos riscos de doença coronariana, derrame, vários tipos de câncer, diabetes, pressão alta, obesidade, osteoporose, depressão e ansiedade. Essas doenças possuem um alto grau de incidência entre pessoas com idade avançada. Por isso, as atividades aeróbicas são tão importantes contra esses fatores comuns ao envelhecimento.

Exercícios anaeróbicos (musculares)

A partir dos 40 anos, quem não pratica atividades físicas regularmente perde gradativamente massa muscular, força e flexibilidade. Os exercícios anaeróbicos, principalmente a musculação, são muito importantes contra a ação do envelhecimento, pois ajudam na ação contra doenças como osteoporose e artrose. Essas doenças enfraquecem os ossos e articulações, respectivamente. Os exercícios anaeróbicos são importantes para fortalecer as articulações e os ossos, retardando a ação do envelhecimento.

A partir dos 30 anos perde-se muita massa muscular. A musculação ameniza bastante essa perda de massa muscular, retardando os efeitos do envelhecimento. A musculação tem a propriedade de tornar o coração mais saudável. Antes se imaginava que apenas as atividades aeróbicas eram boas para a saúde do coração. Essa teoria agora mudou, pois a musculação treina o coração para esforços intensos. Um dos fatores do envelhecimento é o aumento da freqüência cardíaca e da pressão arterial quando fazemos qualquer tipo de esforço. Quando a pessoa fortalece os músculos, a freqüência cardíaca e a pressão arterial aumentam menos quando ela faz esforço.

Além dos benefícios para a saúde, a musculação modela o seu corpo, pois proporciona músculos maiores e mais rígidos e, assim, seu corpo aparenta menos idade.

Atividades físicas, convívio social e lazer

Escolha exercícios e atividades físicas prazerosas, que coloquem você ao ar livre e que possam ser feitas junto com amigos. Estes exercícios além de fazerem bem para a saúde são muito prazerosos. Você estará se divertindo enquanto se exercita. Exercícios físicos são excelentes também para combater o estresse, a depressão, a ansiedade e para proteger o seu sistema imunológico. Esses fatores acabam gerando maior disposição e, conseqüentemente, uma maior expectativa de vida.

Dormir bem

Uma boa noite de sono é essencial para manter os níveis de energia. Tente desacelerar um pouco o ritmo intenso do dia antes de dormir lendo um bom livro e tomando um banho para relaxar.

Perda de peso

O excesso de peso contribui e acelera o envelhecimento. Estar dentro do peso padrão para a sua idade é muito importante, pois o excesso de peso está relacionado aos principais causadores de doenças cardíacas e outros fatores que contribuem para o envelhecimento.

Parar de fumar

O cigarro é composto por diversas substâncias tóxicas com forte efeito oxidante e que aceleram o envelhecimento no organismo, degradando células e dificultando uma série de funções habituais do corpo. Além disso, o cigarro é bastante nocivo pele. A pele enrugada dá uma aparência mais envelhecida pessoa. Para retardar os efeitos de envelhecimento é essencial parar de fumar.

NOTA: Este centro foi desenvolvido pelos especialistas do CorpoPerfeito e está protegido pelas leis de direitos autorais. Sua reprodução é proibida. O texto acima tem caráter informativo e não tem a intenção de substituir uma orientação médica ou de um profissional de saúde.

Produtos Relacionados: